Imagine-se fazendo algo que deu certo

por Suzana Herculano-Houzel

Uma das descobertas recentes mais impactantes da neurociência diz respeito à imaginação: ela consiste em ativar no cérebro os mesmos circuitos, as mesmas representações, que são acionadas pelos sentidos quando o objeto da imaginação acontece de verdade. Desse modo, dependemos do córtex visual para imaginar o rosto de uma pessoa querida ou o gráfico a incluir em um relatório, e da amígdala cerebral para evocarmos as sensações de alegria ou tristeza associadas à memória de alguém.

Da mesma forma, lembrar do que foi bom no passado ou projetar fazer algo prazeroso no futuro próximo já basta para provocar alguma ativação do sistema de recompensa. Isso significa que pensar em fazer algo que o cérebro considera ter grandes chances de dar certo é uma fonte não só de satisfação antecipada para o cérebro, como também de motivação para seguirmos adiante. O bem-estar antecipado nos motiva a agir na direção do que pode proporcioná-lo, exatamente como a cenoura na ponta de uma varinha faz até o burrinho mais empacado andar para alcançá-la.

Pensamentos positivos focados em uma tarefa a fazer ativam o sistema de recompensa, oferecem motivação ao cérebro e assim aumentam as suas chances de ser bem-sucedido no que faz.

Teste sua vocação (saúde) emocional. Qual palavra chamou sua atenção?

por Clara Dawn – Portal Raízes

Este teste revela como você está se sentindo, ou o que você está precisando. O que você vê primeiro no caça palavras?

Ser saudável emocionalmente se refere a sua capacidade psicológica de comportar-se positivamente diante de situações adversas. A saúde e inteligência emocional não se restringem a uma total ausência de problemas na saúde mental, como ansiedade ou depressão, mas se refere a atingir seus objetivos com inteligência emocional bastante para se sentir em equilíbrio consigo mesmo, com o meio e com os outros: na hora da tomada de decisões, desde as corriqueiras, até as severas.

Clique aqui e veja as respostas!

Jornada de mudança e transformação

Estamos todos em meio a uma jornada – uma jornada de mudança e de transformação. A jornada é um movimento em direção a totalidade, a perfeição e a união com aquela parte mais elevada de nós mesmos.

É uma jornada de cura! 

1 – A jornada requer tempo, 

2 – A jornada Implica o abandono do medo, 

3 – A jornada de transformação implica sofrimento, 

4 – Jamais desista, 

5 – A ajuda vem quando você mais precisa dela.

Cada pessoa nasce dentro de um conjunto único de circunstâncias, tudo o que acontece na sua vida acontece para o seu máximo proveito! 

É este o nosso desafio!

Energia Cósmica ou Imanente

por Wagner D. Borges

É o princípio vital que interpenetra e nutre a todas as coisas do Universo Interdimensional. É aparentemente onipresente e impessoal, permeando praticamente todos os planos de manifestação. Podemos, então, dizer que existe energia densa (etérica), astral (etérea), e mental. Einstein, na verdade, parece que partiu desse princípio quando demonstrou a substancial identidade entre a energia e a matéria, e a possibilidade de transformar uma em outra: a matéria é energia em estado de condensação; a energia é matéria em estado radiante.

A nomenclatura sobre a energia é bastante diversificada, variando de filosofia para filosofia.

Ex.: Luz Astral (Ocultimo), Prana (Yoga)Mana (Kahunas), Força Ódica (Barão Von Reichenbach), Energia Orgônica (Wilhelm Reich)Telesma (Hermes Trismegisto).

A palavra Energia é derivada do grego “Energes” (ativo) que, por sua vez, deriva de “Ergon” (obra). Logo, etimologicamente significa “Atividade”; “Movimento”.

A palavra Prana, como a energia é mais conhecida na Índia, pátria original do Yoga, é derivada do sânscrito “Pra” e de “An” (respirar, viver). Logo, etimologicamente significa “Sopro Vital”.

No Japão, a energia é conhecida como “Ki” (força vital).

Na China, é conhecida como “Chi” (força vital).

As energias que os seres vivos absorvem e metabolizam são oriundas de fontes variadas: o sol, o espaço infinito, o próprio planeta.

Não seja ansioso por nada

por: Luiz C. Kozlowski

Não seja ansioso por nada, nem para receber o Espírito Santo!

Apresenta sua petição a Deus, seja peça oração, seja pela súplica e,

Aguarde, espere e creia sem cobranças de si mesmo e de Deus a resposta.

Dados estes três passos, manifeste a sua fé. Imagine-se respondido. Dê graças a Deus, louve seu Nome, enfim mantenha-se em estado alegre de quem já recebeu o pedido.

Se você fizer sua parte, o Senhor Jesus fará a dele.

Qual o caminho para revelarmos a Luz ?

por (adaptação das Percepções Semanais / Centro de Estudos da Cabala) / vídeo por  Guilherme Contrucci no canal do youtube/guicontrucci

Aqui temos um pequeno exemplo para ajudá-lo a determinar sua compreensão relativa ao propósito de nossa existência e o caminho para revelar a Luz. Imagine então a seguinte cena: sobre a mesa de um escritório estão R$ 100.000,00 em dinheiro vivo. 

Cenário 1: Uma pessoa passa e vê o dinheiro. Ela verifica se há alguém por perto. Então embolsa o dinheiro e escapa como um bandido. 

Cenário 2: Uma pessoa passa e vê o dinheiro. Ela começa a tremer, cheia de medo ante a perspectiva até de tocar no dinheiro, o qual ela deseja, mas tem medo de ser pega. Deixa o dinheiro onde está e voa do prédio como um coelho assustado.

Cenário 3: Uma pessoa passa e vê o dinheiro. Ela verifica se alguém está olhando. Então ela embolsa o dinheiro e começa a fugir. Aí ela para. Tortura-se por um momento. Então decide não fazer aquilo. Recoloca o dinheiro sobre a mesa. 

Cenário 4: Uma pessoa passa e vê o dinheiro. Pega o dinheiro imediatamente, guarda dentro de uma pasta, tranca a pasta e a leva para as autoridades da segurança. Deixa um bilhete sobre a mesa do escritório dizendo que se alguém perdeu uma soma grande de dinheiro, pode ligar para ele. Se a pessoa for capaz de identificar a soma, ele virá com as chaves da pasta e acompanhará a pessoa até a polícia para devolver o dinheiro.

Qual pessoa revela mais Luz para si mesma e para o nosso mundo? 

Com base nos ensinamentos da Cabala vamos examinar de forma breve cada cenário para encontrar a resposta.

Cenário 1: a pessoa é governada pela sua reatividade e natureza instintiva do desejo de Receber para si mesma, que diz a ela para pegar o dinheiro e correr. Ela simplesmente reage ao seu desejo de ficar com o dinheiro para si. Comportamento reativo não produz Luz. 

Cenário 2: neste caso a pessoa também está meramente reagindo ao medo de ser pega e ao seu instinto natural de ficar amedrontada até com a idéia de roubar algum dinheiro. Deixa o edifício com a mesma natureza com que entrou. Não produz nenhuma Luz.

Cenário 3: essa pessoa inicialmente reage ao seu desejo de pegar o dinheiro. Mas então ela para a reação. Ela a elimina. Indo então, contra todo seu instinto inicial, ele transforma sua natureza e nesse instante devolve o dinheiro. Sua transformação de reativa para proativa revela a medida de Luz espiritual apropriada.

Cenário 4: esta pessoa já está num estado mentalmente proativo em relação a roubar o dinheiro de alguém. Nenhuma mudança de natureza ocorreu. Ela continua a mesma pessoa que era quando entrou na sala pela primeira vez. Seu comportamento, neste caso, não produziu Luz. É claro que essa pessoa ainda pode revelar Luz nesse caso, se após devolver o dinheiro ela não reagir ao seu ego o qual agora diz a ela que pessoa fantástica e honesta ela é. Espiritualmente falando, ela precisa entender que não fez favor nenhum a ninguém, mas a si mesma, criando uma situação de parar sua reação de se orgulhar e ao invés disso, ser mais humilde e agradecer a oportunidade que teve de se comportar bem espiritualmente.

O mais importante a entender é que tudo isso não tem nada a ver com princípios morais, éticos ou altruístas. Isso tem a ver com você – com o que é bom para você, com o que gera Luz espiritual para você. Gostou da publicação? Compartilhe com o mundo:)0 

Cinco tesouros que possuímos e que podemos compartilhar com outras pessoas

Transmitido pelo mestre Luiz Kowsloski

Virtudes a serem cultivadas: Amor, Compaixão, Cuidar

Uma vez, um homem muito pobre veio a Buda. Ele perguntou:

– Por que eu sou tão pobre?

Buda respondeu:

– Você é pobre porque não pratica generosidade. Você não pratica caridade!

O homem perguntou:

– Mas como posso praticar caridade, se não tenho nada para dar? 

Buda respondeu: 

– Você tem cinco tesouros que você pode compartilhar com outras pessoas!

Primeiro, você tem seu rosto. 

Você pode compartilhar seu sorriso com os outros. É de graça!

E tem um impacto incrível e duradouro nos outros!

Segundo, você tem os seus olhos. 

Você pode olhar para os outros com os olhos cheios de amor e carinho!

Genuinamente você pode impactar milhões de pessoas!

Faça com que se sintam muito bem!

Terceiro, você tem a sua boca. 

Com essa boca, você pode dizer coisas boas para os outros. Fale o bem!

Faça com que se sintam valorizados!

Espalhe alegria e positividade.

Então, você terá um coração amável!

Quarto, com seu coração amoroso, 

você pode desejar felicidade aos outros!

Faça os outros sentirem um monte de emoções. Toque em suas vidas!

O último tesouro que você possui é o seu corpo físico! 

Com esse corpo, você pode fazer muitas coisas boas para os outros!

Ajude as pessoas que precisam!

Ajuda não é apenas com dinheiro.

Um pequeno gesto de carinho pode iluminar muitas vidas!

Lembre-se de que a Verdadeira Riqueza é aquilo que ninguém pode tirar de você!

E aumenta conforme você a entrega!

Decreto para o Equilíbrio Financeiro

Decreto para o Equilíbrio Financeiro

Fonte: Vialuz

transmitido pelo mestre Luiz Kozlowski

Em nome de Toda Poderosa presença de Deus EU SOU e em nome da Fraternidade Crística  de Shamballa,  nós invocamos todos os Grandes Seres, Poderes e Legiões da Luz relacionados com a estabilidade econômica em todo o planeta Terra. 

VINDE AGORA! VINDE AGORA! VINDE AGORA! 

Amados Arcanjo Miguel e Elohim Astréa e purificai, purificai, purificai todo o dinheiro,e todas as instituições , todos os complexos financeiros, todas as atividades relacionadas  com a estrutura econômica do Mundo. 

Removei as causas, núcleos, registros e efeitos de todo o mau uso do dinheiro praticado desde os tempos remotos, bem como a energia  mal-qualificada em padrões de troca. 

Amado Mestre ascencionado Saint Germain e Arcanjo Zadquiel, penetrai e saturai essas estruturas financeiras com a Mais Poderosa  Atividade do FOGO VIOLETA jamais conhecida. 

Amada Deusa Mãe Vesta, colocai  todo o controle  do sistema financeiro-econômico nas mãos daqueles que servem à Luz (repetir três vezes). Dissolvei, dissolvei , dissolvei todo mau uso da energia relacionada com o dinheiro por intermédio do Fogo Sagrado! 

EU SOU o sábio uso do dinheiro e sua energia por todos os servidores da Luz que recebem  estes benefícios  não só para seu uso, mas  para toda a humanidade. 

Amado Anjo da Restauração, restaurai agora o Plano Divino do Equilíbrio Harmonioso da distribuição da Abundância para que flua a nós e a todos  o ilimitado Suprimento do Universo. 

Com gratidão, aceitamos tudo isso precipitado de acordo com a ORDEM DIVINA  e com a SAGRADA VONTADE DE DEUS EU SOU.

O PODER DA IMAGINAÇÃO

por Renata Conti Pereira

Como falamos no texto do mês passado, nosso hipotálamo “entende” as coisas de duas formas: ou é legal ou não é legal (o centro de recompensa e punição) e as pesquisas comprovam cada vez mais como ativamos as áreas cerebrais de diversas maneiras: vivenciando, experimentando, imaginando.

Se você fechar seus olhos agora e imaginar que está andando de bicicleta ativará no cérebro as mesmas áreas de quando você está mesmo pedalando! Você que se emocionou muito quando seu filho nasceu, mesmo que tenha sido há 10 anos, se fechar seus olhos agora e pensar nisso, sentirá as mesmas emoções e ativará as mesmas áreas cerebrais.

Nosso cérebro possui meios de ser o mais eficiente possível em sua utilização e preservação. Ele realiza suas atividades através dos circuitos neuronais e faz de tudo para economizar o máximo de energia possível! Veja uma das primeiras imagens feitas dos neurônios:

Uma criança faz cem vezes a mesma coisa para aprender determinada atividade, para ajudar partes do corpo a se desenvolverem mais, amadurecer, etc. Quando passamos por uma situação um determinado número de vezes nosso cérebro aprende a reagir e aprende a economizar energia.

A mente que mente

O seu cérebro não consegue analisar as situações de forma completamente racional, avaliando todas as variáveis envolvidas em cada caso. Para fazer isso, ele precisaria de muitos circuitos e gastaria muito mais energia. Mas, ao longo da evolução, a natureza encontrou uma solução: o cérebro pode mentir para seu dono. Sim, mentir. Descartar informações, manipular raciocínios e até inventar coisas que não existem. Dessa forma, é possível simplificar a realidade – e reduzir drasticamente o nível de processamento exigido dos neurônios. “São efeitos colaterais do funcionamento normal do cérebro”, diz Suzana Herculano Houzel, neurocientista da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Leia mais sobre isso no site super.abril.com.br/ciencia/descubra-as-mentiras-que-o-seu-cerebro-conta-para-voce.

Sim! Nosso cérebro pode mentir MUITO! Sempre falo nas aulas sobre um programa no History Channel chamado Desafios do Cérebro. Mostra o quanto nosso cérebro nos engana, mas também o quanto podemos enganá-lo!

Experimente com comida! Você pode enganar seu cérebro comendo menos e se sentindo bem satisfeito se mastigar bem os alimentos. É simples assim! Basta mastigar bem os alimentos que você faz com que o hipotálamo ative o centro de saciedade mais rapidamente.

Hipotálamo

Controla a maioria das funções vegetativas e endócrinas do corpo, bem como muitos aspectos do comportamento emocional: sede/fome, raiva/briga, medo/reações a punição e desejo sexual.

Já falamos que ela regula os centros de RECOMPENSA e PUNIÇÃO sendo uma das mais importantes controladoras de nossas atividades corporais, nossos desejos, aversões e motivações; é através de sua ação que nosso corpo mostra como nos sentimos.

Emoções básicas como: medo, raiva, tristeza geram sensações mais intensas causando “stress” em nosso corpo.

Emoções sutis como o amor, otimismo, gratidão, bom humor promovem uma ação calma no corpo; geram estado de paz e tranquilidade.

Ligada ao Chakra Coronário participa da integração do nosso corpo físico ao nosso corpo energético, como toda glândula endócrina.

A mente “mente” e o corpo acredita

Como nosso cérebro quer economizar energia e nosso hipotálamo regula as funções e reações corporais; cada vez que eu sinto alegria, meu corpo todo sente alegria; cada vez que eu sinto raiva, meu corpo todo sente raiva; cada vez que eu falo de algo ruim, meu corpo todo sente algo ruim; se falo e penso coisas boas, meu corpo todo sente coisas boas.

Se tenho sempre as mesmas reações perante as situações e fatos da vida é preciso prestar atenção. Pode ser meu cérebro economizando energia. Ele já supõe o resultado e faz com que eu acredite.

Funciona assim com sistema de crenças, com postulados, com julgamento…

Neuroplasticidade

Nossos neurônios tem uma capacidade incrível que não conhecemos totalmente, mas, que eles aprendem logo e assumem novas funções já sabemos!

Michael Merzenich – um dos maiores estudiosos sobre esse assunto – diz: “O cérebro foi construído para mudar de acordo com as experiências vivenciadas e a forma como é usado. A esse processo contínuo chamamos de neuroplasticidade. Quando trabalhamos para aprimorar uma habilidade, ocorre uma mudança na “fiação cerebral” (nas sinapses ou conexões neuronais), ou seja, são selecionadas as conexões que dão suporte ao comportamento ou à habilidade que estamos desenvolvendo. Assim como quando exercito meu corpo obtenho uma série de benefícios e altero a regulação de uma série de processos bioquímicos, quando exercito meu cérebro altero todo o seu funcionamento, seu suprimento de sangue e de energia, bem como a força de suas operações. Portanto, não apenas melhoro uma habilidade em si, mas todo o maquinário cerebral. Quando jogo pingue-pongue pela primeira vez, sou muito desajeitado. Após um ano de prática intensa, fico muito habilidoso, consigo ver e acertar a bola com alta acurácia. Por meio de mudanças físicas e químicas incrivelmente complexas, criou-se um cérebro com esse recurso. Nosso cérebro será diferente daqui a uma semana e muito mais diferente ainda daqui a uma década. Pode ser uma mudança para frente ou para trás, ganhando ou perdendo habilidades. Depende do uso”.

Pesquisadores da Universidade de Washington em St. Louis, nos EUA, fizeram uma descoberta que deve mudar a maneira como os cientistas veem o cérebro humano. Eles desenvolveram um novo mapa do córtex cerebral, o que acabou revelando 100 novas regiões distintas em cada hemisfério. A pesquisa foi publicada na renomada revista científica Nature.

Estrutura das conexões cerebrais, captadas a partir de imageamento por difusão espectral. As fibras aparecem pintadas de acordo com a direção: vermelho = esquerdo-direito, verde = anterior-posterior, azul = cima-baixo. Imagem: www.humanconnectomeproject.org

Isso tudo nos mostra o quanto vale a pena acreditarmos que somos capazes de aprender sempre, de desenvolver novas habilidades, de melhorar a qualidade dos nossos pensamentos para melhorar nossa saúde.

Deixo aqui uma semente para que você entenda que realmente você cria a sua realidade, como eu crio a minha e o mundo todo cria a nossa.

OS EFEITOS BENÉFICOS DA CROMOTERAPIA PARA A SAÚDE FÍSICA E MENTAL

Por Guilherme Contrucci

Quando os estudos da Cromoterapia avançaram no período dos antigos sacerdotes médicos do Tibete e Egito, a humanidade percebeu que, de fato, o espectro das cores continha informações poderosas e úteis, e que cada cor tinha um significado, além daquele perceptível pelo olho humano.

Naquele tempo, acreditava -se que as cores impactavam diretamente na aura humana (corpo áurico) produzindo alterações de toda ordem, desde físicas até emocionais.

Voltando um pouco no tempo, tem-se que o primeiro a reconhecer a natureza espetral da cor e a formular uma teoria científica a seu respeito foi o físico e matemático britânico Isaac Newton (1642-1727). A definição de cor para a física, leva em consideração que o olho humano codifica apenas uma sensação, quando a luz com seu respectivo comprimento de onda alcança a sua retina.

Toda cor se pode obter a partir de três cores básicas, fundamentais ou primárias para a luz: o azul, o vermelho e o verde, e para os pigmentos: o amarelo, o magenta e o azul-verde, segundo os físicos e pesquisadores Thomas Young (1733-1829) e James Clerk Maxwell (1831-1879).

O espetro visível cobre uma extensão de cores que varia continuamente desde o vermelho ao violeta. Neste espetro há geralmente uma divisão em sete cores a que correspondem determinados intervalos de comprimento de onda.

Assim, a luz solar é formada pelos diferentes comprimentos de onda que os corpos absorvem ou refletem de forma distinta, de modo a que, quando uma substância reflete todos os comprimentos de onda, se diga que é branca. Se pelo contrário, absorve todos os comprimentos de onda, diz-se que é negra.

Da mesma maneira, se uma substância absorve todos os comprimentos de onda menos os referentes a uma determinada cor, então essa é a sua cor.

Interessante não é mesmo? Sempre gostei muito do estudo das cores, me lembro muito bem das aulas de física nos laboratórios do Colégio São Luiz, em São Paulo, nos idos dos anos 70.

Foi por essa razão que encontrei o interesse pela Cromoterapia, como um método eficiente de tratamento físico e mental; a cromoterapia é um campo das ciências das terapias complementares.

Os efeitos da cromoterapia levam em consideração os fatores neuroendócrinos, uma vez que a simples visualização de uma determinada cor, pode estimular o cérebro e os pontos sensoriais. Essa constatação, mais moderna se comparada com as crenças do passado, a respeito do campo áurico, é estudada em centros clínicos e holísticos.

A projeção de fachos de luz sobre o corpo é a técnica utilizada na cromoterapia, mas outras maneiras de expor o corpo e a visão também podem ser utilizadas, por exemplo usar vidros coloridos ou a própria roupa. Nesse aspecto, a escolha das cores das roupas também colabora para o bem estar da pessoa.

O vermelho estimula o sistema nervoso, tem relação com a paixão, entretanto não é recomendado para inflamações. Já o azul acelera o metabolismo, enquanto a cor amarela trabalha a parte muscular.

A cor laranja tem efeito antiespasmódico, e o verde dá um sentimento de renovação.

O terapeuta também pode combinar cores para minimizar diversas patologias, por exemplo, misturando as cores amarelo e verde claro obtém a cor limão que auxilia no rejuvenescimento corporal.

Introduza na sua vida as terapias complementares e você sentirá os benefícios no seu corpo, mente e emoções.

Viva as cores!